Skip to content →

Projeto Noise 3D

Evento de Fortaleza chegando ao seu quinto ano, o Noise 3D firmou-se no calendário local por ter revelado, entre outros, Montage e O Quarto de Cinzas. De junho a setembro, está promovendo uma programação comemorativa com Moptop, Macaco Bong, Lucy and the Popsonics e Mallu Magalhães, além dos locais Café Colômbia e O Garfo.

Confira o release:


As edições comemorativas dos 5 anos do projeto Noise 3D continuam nas férias em Fortaleza. Em Junho, o projeto acontece no Amici´s e traz o Moptop (RJ) em única apresentação no Nordeste. A festa contará com o lançamento do 1° CD do Café Colômbia (CE), banda que surgiu dentro do Noise. Em Julho, o projeto retorna ao Music Box com o Macaco Bong (MT), uma das maiores bandas da cena independente no Brasil hoje, pela primeira vez em Fortaleza

O projeto Noise 3D parte para o segundo momento dentro das comemorações dos seus 5 anos, voltado a atrações de peso no cenário da música independente no Brasil. O intercâmbio com artistas relevantes do circuito alternativo é marca do projeto desde o tempo do Noise 3D Club. Nas férias, Moptop (RJ) e Macaco Bong (MT) vêm a Fortaleza para as edições comemorativas de 19 de Junho, no Amici´s, e 26 de Julho, no Music Box, respectivamente. Confira a programação:

19/06 (Amici´s) – O Moptop (RJ) é uma das bandas mais expressivas do novo rock brasileiro. Em 2007, os cariocas fizeram duas noites memoráveis em Fortaleza: no pequeno Noise 3D Club (220 pessoas) e como atração principal do 1° Soma Festival, no Dragão do Mar, para um público de 800 pagantes. A noite contará com o lançamento do disco do Café Colômbia (CE), uma das bandas lançadas pelo projeto durante estes 5 anos. Os 100 primeiros pagantes a entrar terão o privilégio de levar o disco de graça

26/07 (Music Box) – O Macaco Bong (MT) vem de Cuiabá em turnê de lançamento do seu 1° disco, Artista Igual Pedreiro (Monstro Discos). O trio instrumental hoje faz um dos shows mais enérgicos da cena independente brasileira, ganhando fortes elogios do público e da mídia especializada – prova disso é a aposta da revista Bravo na banda em 2008. O Macaco toca pela primeira vez em Fortaleza e marca a volta do projeto Noise 3D ao Music Box após a reforma da casa

História – A primeira edição da festa aconteceu em abril de 2003, no extinto Ritz Café. Hoje, o projeto Noise 3D ultrapassa o número de 50 edições em seu quinto aniversário. “Tinha tudo para ser só mais um evento, entre tantos que existiam em Fortaleza. Mesmo porque o Ritz só trabalhava com covers e não acreditava que duas bandas autorais e uma discotecagem voltada para o público consumidor de música via Internet cobririam os custos da casa. Então, 680 pessoas pagaram para ver a primeira edição do projeto. O Noise nasceu para fazer parte da vida de várias bandas da cidade. Acabou sendo um dos espaços mais procurados para as bandas de Fortaleza lançarem CDs, clipes, ou simplesmente tocar”, resume Dado, idealizador do projeto ao lado dos DJ´s DenisDead e DMM.

Além do Ritz, o Noise 3D já ocupou a casa de mesmo nome, o Amici´s, o Hey Ho Rock Bar, a Serra de Baturité (Ce), entre outros espaços. Sempre compromissado com a música independente e com as novidades da boa música contemporânea pelo Brasil e pelo mundo. Hoje, o projeto tem residência fixa na boate Music Box, Centro Dragão do Mar (Praia de Iracema) – reduto cultural da classe média-elite de Fortaleza.

Durante 2 anos e meio, até junho de 2007, o projeto ganhou projeção nacional com a programação do Noise 3D Club, destaque no Guia da Veja Fortaleza e Prêmio Toddy da Música Independente. Entre as bandas, são crias das edições do Noise o Montage, Café Colômbia, Telerama, Plastique Noir, Moço Velho, Red Run, O Garfo. De outros estados, passaram pelo projeto a Rádio de Outono (PE), Peixe Coco (RN), Valv (MG), The Sinks (RN), Cabaret (RJ), Multiplex (SP), Trampa (DF), Forgotten Boys (SP), Moptop (RJ), Mellotrons (PE), Rockassetes (SE), Vamoz! (PE).

Jornalista investigativo, crítico e escritor. Publico sobre música e cultura desde 2003. Fundei a Movin' Up em 2008. Autor de 3 livros de contos, crônicas e poemas. Vencedor do Prêmio de Excelência Jornalística (2019) da Sociedade Interamericana de Imprensa na categoria “Opinião”. Finalista do V Prêmio Petrobras de Jornalismo (2018).

Published in Cena BR