Skip to content →

Descobertas: Middle Class Rut

Dessas surpresas que zapear por canais de música ainda te reservam, descobri o Middle Class Rut no VH1. O clip, extremamente bem feito, era de “New Low”, do ano passado, com uma melodia gostosa, grudenta, um riff bacana, letra decente e um acento de John Frusciante no solo. Bateu forte.

httpv://www.youtube.com/watch?v=A5GYOsKLp6o

Soava como uma dessas pequenas pérolas que passam despercebidas. O Middle Class Rut, de Sacramento/California, foi formado pelo vocalista/guitarrista Zack Lopez e o baterista Sean Stockham em 2006. Lançaram alguns EP’s e singles nesse período até chegar ao primeiro disco, “No Name No Color”, de 2010. A bolacha, que você pode ouvir no link aí, surpreendeu: todas as outras faixas não tem o poder de persuasão de “New Low” mas são consideravelmente mais pesadas, com bastante punch e alguns bons riffs.

Destaque para a abertura com “Busy Bein’ Born” e a trinca “Alive Or Dead”, “I Guess You Could Say” e “Sad To Know”, além do final com “Cornbread”. A fórmula aqui não tem segredo e passa longe da “originalidade”: o duo aposta forte no rock direto, flertando com o garage e o punk em alguns momentos, proporcionando bons momentos de música decente e bem realizada no que se propõe.

Já é mais do que a maioria das bandas conseguem oferecer.

Jornalista investigativo, crítico e escritor. Publico sobre música e cultura desde 2003. Fundei a Movin' Up em 2008. Autor de 3 livros de contos, crônicas e poemas. Vencedor do Prêmio de Excelência Jornalística (2019) da Sociedade Interamericana de Imprensa na categoria “Opinião”. Finalista do V Prêmio Petrobras de Jornalismo (2018).

Published in Descobertas Destaques